Então é Natal! E a pergunta difícil de responder é: como presentear sem gastar muito? É inevitável abrir a carteira quando chegam as festas de final de ano.

Presentear amigos e familiares é um caminho quase natural, não é? Pois com a crise, o sapato apertou. O desemprego e os aumentos nos preços pós pandemia vão exigir mais planejamento com as contas pessoais.

Por isso, algumas dicas podem ser uteis para evitar a ressaca das dívidas em janeiro:

  1. Planeje suas compras – limite o valor dos presentes e seja fiel ao que foi definido. Uma vez feito isso, faça uma lista bastante seleta dos presentes.
  2. Pesquise preços – são muitos os sites confiáveis com ofertas reais e que podem representar uma enorme economia. Se a loja for física, vá nos atacados.
  3. Negocie e compare – sempre compare preços e formas de pagamento, além de negociar. Pechinchar é um velho hábito que não sai de moda.
  4. Evite comprar por impulso – aquelas idas ao shopping são traiçoeiras, pois enchem os olhos e esvaziam os bolsos. Cuidado.
  5. Não use o rotativo do cartão – use o cartão de crédito com muita moderação. As facilidades para comprar por internet são muitas, o que facilita o descontrole.
  6. Se você tem habilidade, faça presentes! – sim, essa é uma boa forma de presentear quem se gosta com artigos exclusivos gastando muito menos.

E o amigo secreto?

Outra forma de encarar os presentes do final de ano sem fazer feio é propor, seja na firma ou na família, o bom e velho amigo secreto. Em épocas de “vacas magras”, vira um baita evento social e todo mundo se diverte.

Pronto! Não se deixe enganar por lindas árvores de natal e aquele lindo e vistoso Papai Noel te olhando e acenando da poltrona de veludo.

Faça as contas, valorize o momento em família e preserve seu dinheiro. Se ainda assim, for inevitável aumentar gastos, consulte a SelfCred. Temos parceiros de crédito rápido online com condições pé no chão para os gastos do final de ano.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.